Governador promete contratar prestadores de serviço do Trauma

O governador da Paraíba, Ricardo Coutinho (PSB), disse hoje que sua gestão vai investir em melhorias para a saúde do estado e para isso vai exigir metas dos profissionais que trabalham no Hospital de Emergência e Trauma. Segundo ele, os atendimentos passarão de 4.600 mensais para 9 mil com a implantação da gestão pactuada com a Cruz Vermelha. 
 
– Nós estamos correndo muito para recuperar o tempo perdido, nossa função é reorganizar redes, reestruturar os espaços físicos, até dezembro nós ou começamos ou entregamos cinco hospitais na Paraíba. Agora, estamos cuidando da qualificação do atendimento e da melhoria dos serviços. Tenho consciência de que o modelo que temos hoje é um saco sem fundo. Gasta-se muito e atende-se pouco. Nós temos um alto índice de pessoas nos hospitais, temos algumas taxas difíceis que é preciso melhorar. Vamos fazer um sistema de pactuação através das metas para o Trauma. É uma experiência importante, vamos dar ao Trauma uma série de metas. Queremos aumentar em 35% o número de cirurgias. Vamos aumentar de 4.600 atendimentos mensais para 9 mil. Vamos ampliar o cuidado com as pessoas e diminuir os custos.
 
Ricardo também falou em ampliação do corpo de funcionários e de contratações dos prestadores de serviços.
 
– Vamos regularizar os prestadores de serviços. Os que são prestadores serão ao longo do tempo contratados no regime de CLT, e ao mesmo tempo, as cooperativas terão os seus contratos respeitados. Da parte do governo temos a pretensão de preservar os contratos já existentes. Estamos querendo qualificar o atendimento através da Cruz Vermelha, uma instituição sem fins lucrativos que já trabalha em alguns hospitais.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.