Governador cita déficit das contas, mas promete superávit na Cagepa

Na mensagem ao legislativo, lida da tribuna da Assembleia Legislativa hoje de manhã, o governador Ricardo Coutinho (PSB) fez uma prestação de contas da situação do Estado, anunciou mais vagas nas escolas e creches. Ele também falou da situação financeira precária da administração estadual e do déficit nas contas públicas encontrado por ele:

"A Paraíba hoje arrecada, por mês, R$ 391 milhões, mas tem uma despesa mensal de R$ 414 milhões. A crise financeira deixa as tabelas contábeis e se instala, traiçoeira, no seio da sociedade. Faltam empregos no campo e na cidade. Faltam escolas para nossas crianças, universidades e cursos técnicos, capazes de qualificar jovens e trabalhadores. Nosso povo sofre com a falta de hospitais, de maternidades e de serviços que garantam tratamento digno para os males do corpo, da mente e da alma", disse o governador.

Em outro trecho do discurso, Ricardo falou sobre a situação da Cagepa: Até o final do ano, conseguiremos demonstrar, sem mágica, apenas com equilíbrio, competência e senso público, que a CAGEPA é viável e será superavitária. Deixará o passado de descrença e desserviço. Não contabilizará, como hoje, dívidas históricas de R$ 340 milhões. O processo de saneamento da nossa companhia já começou. Só no mês de janeiro, apenas em João Pessoa, já reparamos mais de 250 vazamentos. Vamos substituir mais de 2 mil hidrômetros, só na capital, efetuando outras 4 mil ligações em seu entorno".

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.