Gasolina da PB é a mais barata do país, apesar de alta nos preços

Os preços da gasolina e do etanol (álcool) repassado pelas distribuidoras aos postos de combustíveis na Paraíba sofreram uma elevação nos últimos três meses de 10% a 30%, respectivamente. Segundo levantamento realizado pelo Sindicato do Comércio Varejista de Combustíveis e Derivados de Petróleo no Estado da Paraíba (Sindipetro-PB), já tem posto de combustíveis adquirindo gasolina para revenda por um preço de até R$ 2,40. Apesar disso, o preço praticado no estado ainda é considerado o menor do Brasil, conforme aferição do Comitê de Política Fazendária (Confaz).

 
A mais recente avaliação do órgão atesta que a gasolina da Paraíba é a mais barata do país. O preço médio praticado no estado é de R$ 2,55, considerando a média dos demais estados da federação.
 
O órgão, vinculado ao Ministério da Fazenda, divulga a cada quinze dias pesquisa com base em uma média de preços praticados nos estados para base do cálculo ICMS. O levantamento é publicado quinzenalmente no Diário Oficial da União. Os dados podem ser acessados na página do Sindipetro na internet, no endereço www.sindipetropb.com.br, ou no linkhttp://www.in.gov.br/imprensa/visualiza/index.jsp?jornal=1&pagina=12&data=23/03/2011 .
 
Etanol puxa alta – A alta de preços por parte das distribuidoras tem relação direta com o consumidor final. Nos últimos dias, o valor do etanol na Paraíba sofreu vários reajustes de preço. A gasolina também acompanha o ritmo, tendo em vista que o etanol (álcool anidro) é um dos componentes do produto.
 
De acordo com o Sindipetro-PB, de janeiro a março, a gasolina comprada pela revenda nas distribuidoras saltou de R$ 2,18 para cerca de R$ 2,40, numa variação superior a 10%. O etanol já pode ser adquirido a R$ 2,15, valor bem superior ao praticado no inicio do ano, quando a revenda comprava o produto a R$ 1,65, o que corresponde a uma elevação de até 23% no preço.
 
As distribuidoras justificam os aumentos constantes alegando que as usinas que produzem o biocombustível estão em período de entressafra, o que fez com que a demanda pelo produto fosse maior do que a oferta do produto.
 

TAGS

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.