Filho de Salomão Gadelha chama vereador sousense de covarde

 O pré-candidato a vereador e filho do ex-prefeito Salomão Gadelha, o jovem Lafayete Pires Gadelha repudiou ontem a atitude do vereador situacionista de Sousa, Dedé Veras (PSDB). Segundo ele, o parlamentar-mirim estaria tentando denegrir a imagem de seu pai, que faleceu no ano passado vítima de um acidente automobilístico.

O vereador teria declarado que o dinheiro arrecadado pelo DAESA (Departamento de Água, Esgotos e Saneamento Ambiental) na gestão de Salomão Gadelha teria sido gasto nas praias da capital.
 
O filho do ex-prefeito ficou indignado com a acusação e disparou: “Dedé veras é um covarde, pois o meu pai não tem mais como se defender”
 
Lafayete afirmou que não aceita que a imagem de seu pai seja jogada na “lama”, por quem quer que seja. "vou defender o nome do meu pai até o fim", enfatizou.
 
De acordo com o s1pb, observadores políticos comentaram que Dedé Veras foi infeliz nas suas declarações, pois atos dessa natureza não podem ser praticados por políticos que se dizem ter experiência na vida pública.
 
 
 
Diário do Sertão

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.