Ex-prefeito invade Câmara e agride vereador

O ex-prefeito de Araçariguama Carlos Aimar invadiu a Câmara Municipal da cidade, a 53 km de São Paulo, e agrediu um vereador durante sessão extraordinária no domingo para votar a cassação da mulher dele, a vereadora Lili Aimar (PR). Os vereadores liam o relatório quando o ex-prefeito avançou sobre Milton Costa (DEM), que presidia a sessão. Manifestantes entraram no plenário e atiraram cadeiras contra os políticos. A briga continuou na rua e só acabou com a chegada de guardas municipais e policiais militares. As informações são do Bom Dia SP.
 
Aimar disse que defendia a honra de sua mulher. "As pessoas ligadas a nós estão sob pressão nesta cidade. Não cheguei a agredi-lo. Agora, eu também não tenho duas caras. Eu queria pegá-lo mesmo". Lili teria duvidado da autenticidade da ata de uma sessão da qual ela não participou, o que, para o grupo de vereadores, foi motivo de expulsão. Depois de quase oito horas de sessão, os vereadores votaram pela cassação por sete votos a um. A vereadora informou que vai recorrer

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.