Ex-deputada vai acionar o Estado por duplicidade em RG

A professora aposentada Zarinha Leite, ex-deputada estadual e viuva do ex-deputado e ex-prefeito de Cajazeiras, Epitácio Rolim, teve que solicitar um novo documento de identidade hoje. Ao se dirigir ao Manaíra Shopping e ser atendida na Casa da Cidadania, ela foi informada que precisaria ir ao Gemol para pedir um novo RG. O motivo surpreendeu a professora: um outro RG, com o mesmo número, fora emitido no dia 13 de maio de 1965 para outra pessoa que durante toda a vida usou o mesmo número da identidade de Zarinha.

Segundo um assessor, a ex-deputada retirou seu RG no dia 12 de maio de 1965, portanto, um dia antes do documento ser emitido em duplicidade. Ao questionar o motivo do erro, Zarinha foi informada que tudo levava a crer que um funcionário da época havia se confundido e colocado no documento de outra pessoa o número que era do RG da professora. Um outro servidor chegou a dizer que o problema seria "muito frequente".

Somente agora, o mal entendido foi descoberto e o documento de Zarinha, cancelado.

Ela, contudo, ficou indignada e promete dar entrada em uma ação por danos morais contra o Governo do Estado alegando "constrangimento". A professora explicou que terá muito trabalho para informar a confusão e o número novo do RG a bancos, repartições e empresas com as quais mantém negócios ou das quais contrata serviços.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.