Eleição no PT transcorre tranquila e resultado deve sair às 19h30

A Comissão Eleitoral do Partido dos Trabalhadores informou há pouco ao Parlamentopb que nenhum incidente ou problema foi registrado no processo de eleições diretas (PED) que se realiza hoje em cinco municípios paraibanos para a escolha dos novos dirigentes dos diretórios municipais. Os petistas vão às urnas até as 17 horas em João Pessoa, Campina Grande, Guarabira, Santa Rita e Patos.

Segundo Hildevânio Macedo, a apuração dos votos será iniciada por volta das 18 horas, no Lyceu Paraibano, local onde também acontece a votação na capital paraibana. A estimativa dele e dos demais componentes da Comissão Eleitoral é que o resultado seja conhecido já antes das 20h: "São apenas dois nomes na chapa e isso faz com que o processo seja muito mais fácil. Acreditamos que já teremos a totalização às 19h30, mas certamente às 20 horas já teremos divulgado o resultado a todos os paraibanos", declarou.

Em João Pessoa, a disputa para saber quem vai ocupar a cadeira que hoje pertence a Anselmo Castilho é entre Antônio Barbosa, do grupo de Luiz Couto, e Fernando Lopes, apoiado por Rodrigo Soares. No primeiro turno, Barbosa obteve 875 votos contra 657 de Fernando Lopes. Em terceiro lugar ficou Almir Nóbrega (514), seguido de Nelson Lira (261), Paulo Sérgio (201) Aynê Chaves (26).

Na capital, há 10 locais de votação, com três urnas em cada: A área de lazer do Sesc, no centro da cidade; Escola da Funad, no Pedro Gondim; Escola Vunerval Trigueiro, no Rangel; A Escola Isabel Maria Neves, em Jaguaribe; Escola Amélia de França, Valentina Figueiredo; o Centro de Cidadania de Mangabeira, em Mangabeira; Escola Lions Tambaú, nos Bancários; Escola José Vieira em Tambauzinho; Escola Presidente Costa e Silva, no Costa e Silva; e a Escola Zulmira de Novais, em Cruz das Armas.

Campina Grande – O pleito em Campina Grande promete uma disputa acirrada entre o secretário de Planejamento da prefeitura, Alexandre Almeida, e o vereador Perón Japiassu, que conseguiu o apoio dos dois candidatos derrotados na primeira fase do PED: Raimundo Cajá e Renato Gadelha.

Alexandre Almeida obteve 776 votos, enquanto Perón recebeu o voto de 410 petistas. Em seguida, o médico Renato Gadelha ficou com 263 votos e o petista Raimundo Cajá encerrou a lista com 207 sufrágios.

Em Campina, as eleições da legenda são no Centro Cultural Lourdes Ramalho, no Centro da cidade, onde ficarão três urnas e votarão os filiados cujos nomes iniciarem com as letras de A a E; no Antigo Museu Vivo da Ciência, também no Centro, onde três urnas receberão os votos dos filiados com iniciais de F a J; e na Câmara Municipal de Vereadores, que terá quatro urnas e servirá de local de votação para os filiados que tiverem iniciais de K a Z.

Guarabira – No Brejo, concorrem Eduardo Brito e Antonio Balbino. O secretário de Esportes da Prefeitura de Guarabira, Dudu Brito, defende a aliança do PT com o PMDB e a reeleição de José Maranhão. Balbino, ligado a Luiz Couto quer uma composição que apoie Ricardo Coutinho ao Governo da Paraíba.

Santa Rita – A mesma polarização se verifica também em Santa Rita, onde estão no páreo Laércio Romão, aliado de Rodrigo Soares e Jacinto Vitorino, da base de Luiz Couto.

Patos – Uma situação curiosa no primeiro turno terá que ser modificada hoje. O vereador Edileudo Lucena empatou com seu adversário, Everaldo Nunes. Ambos tiveram 83 votos. Como o estatuto do partido não prevê qualquer critério de desempate, os petistas terão que decidir no voto, de novo, quem será o presidente do diretório local.

Everaldo Nunes é aliado do deputado federal Luiz Couto, enquanto que Edileudo Lucena é ligado a Rodrigo Soares.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.