Efraim diz que entrevista de Cássio foi inteligente e frustrou PMDB

O senador Efraim Morais, presidente dos Democratas, comentou o resultado da entrevista coletiva concedida na última quarta-feira pelo ex-governador Cássio Cunha Lima (PSDB) e disse que o tom do tucano foi inteligente. Justamente por não anunciar se apóia ou não a pré-candidatura do socialista Ricardo Coutinho ao Governo e por tecer elogios ao senador Cícero Lucena (PSDB), cujo nome está colocado para concorrer ao Governo pelo partido de Cássio, Efraim disse que o colega deu mais um passo para a união das oposições. Para ele, além das variadas críticas ao governador José Maranhão (PMDB), Cássio acertou ao não expor rusgas internas dos tucanos:

"O que esperava o PMDB? Que Cássio rompesse um compromisso que tinha com o PSDB para que o partido caminhasse para os braços de José Maranhão. Isso deixou o PMDB até tonto", disse ele.

Ainda ontem, em uma entrevista concedida à Rede Paraíba Sat, Efraim surpreendeu ao fazer um apelo público ao presidente do PTB, Armando Abílio. Ao mesmo tempo em que admitiu que poderá estar na chapa de Ricardo Coutinho, o senador democrata pediu que seu adversário se mantivesse ao lado da oposição e, mesmo que não votasse nele, apoiasse Ricardo Coutinho e Cássio Cunha Lima.

Para ouvir o que disse Efraim Morais, clique aqui

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.