Efraim considera Cícero apto para o cargo de primeiro secretário

Mafalda Moura

O ainda senador Efraim Morais (DEM), que está se despedindo do cargo, falou hoje sobre a atuação do seu colega Cícero Lucena (PSDB), considerando Cícero um político capacitado e apto a ocupar o cargo de primeiro secretário, função anteriormente ocupada pelo democrata. A cotação de Cícero tem sido assunto veiculado na mídia nacional. 

– Eu considero Cícero capacitado para assumir a primeira secretaria. É um parlamentar que tem grandes amizades no Senado Federal e se o for, eu só tenho é que desejar boa sorte. Tenho certeza que ele fará uma boa administração.
 
Sobre uma possível perseguição por parte da mídia nas futuras ações do senador Efraim disse que não tem como conter a vontade dos veículos de Comunicação.
 
– A mídia não tem regras, não se pode dizer que ela faça ou não faça, cabe a mim, a Cícero e aos outros que foram muitas vezes, na maioria das vezes, acusados pela mídia nacional e que terminam com os processos arquivados. Eu tenho certeza que até o final desse ano, espero, que toda aquela “zoada”, toda aquela mídia negativa com o objetivo de tirar o meu mandato, e conseguiram, tenho certeza que não restará um único processo contra esse senador.
 
Efraim negou também uma reunião da direção do Democratas, para se posicionar em relação à atitude do Major Fábio, que se colocou contra o governador Ricardo Coutinho (PSB) e a quem tem dirigido duros ataques.
 
– Não houve nada nesse sentido, nem convocação por parte do presidente local nem a nível nacional. Não há colocação em relação ao Major Fábio. Qualquer filiado pode ser lançado candidato, desde que seja filiado e goze de direitos políticos. Agora, os Democratas só disputarão as eleições para prefeito em 2012, em qualquer município. Eu, na condição de presidente, não posso evitar que nenhum filiado se lance candidato. Nós temos um calendário e em 15 de março vamos discutir o futuro presidente do partido. Até o presente tem a candidatura do senador José Agripino.
 
Sobre manter candidatura própria em João Pessoa Efraim foi mais uma vez incisivo:
 
– Não discutiremos eleições municipais agora, só discutiremos em 2012. Nesse momento não discutiremos nem a quem vamos apoiar, nem quem vamos nos coligar nem se teremos candidatura própria. É preciso que isso fique claro, os Democratas não abrem mão desse cronograma. Vamos resolver as questões nacionais para depois resolver as estaduais.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.