Eduardo Varandas vai receber medalha Epitácio Pessoa dia 3

O procurador do Trabalho Eduardo Varandas Araruna receberá no próximo dia 3, às 16h30, na Assembleia Legislativa do Estado, a Medalha e Diploma Epitácio Pessoa. A ideia da medalha foi do deputado Zenóbio Toscano e aprovada por unanimidade em plenário.

Trata-se da mais alta comenda conferida pela AL. Segundo o deputado Zenóbio, o procurador Eduardo Varandas vem realizando um trabalho corajoso e pioneiro em várias frentes, especialmente no que diz respeito ao combate ao trabalho infantil e à exploração sexual de crianças e adolescentes, considerada pela Organização Internacional do Trabalho (OIT) como uma das piores formas de trabalho infantil. A Paraíba, inclusive, serviu de modelo para outras Regionais do Trabalho, no que se refere ao enfrentamento da prostituição infantil.

O trabalho de Varandas alcançou, inclusive, reconhecimento internacional. Ao ingressar no Ministério Publico do Trabalho, em 1998, depois de ser juiz do trabalho em Maceió, participou ativamente junto com a Polícia Federal do combate ao trabalho escravo nos Estados do Maranhão e do Pará. Isto rendeu o reconhecimento da imprensa internacional, a exemplo do New York Times e El Dia e levou o governo brasileiro à adoção de medidas mais efetivas. Da ação pioneira do Procurador, resultou a Carta de Belém, redigida por ele, que trouxe o conceito de trabalho escravo ainda hoje usado pelo Brasil.
 

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.