Eduardo Campos diz não ter intenção de disputar a presidência em 2014

O governador de Pernambuco, Eduardo Campos (PSB), disse ontem em entrevista durante visita a João Pessoa, que não tem intenção de concorrer ao cargo de presidente da República em 2014. Ele disse que está cedo ainda para falar sobre a campanha de 2014 e que esse é o momento de contribuir com o governo de Dilma Rousseff (PT).

– Não tenho intenção, faz muito pouco tempo que a eleição passou, é hora do trabalho, é hora da gente juntar forças e ajudar nossas administrações a terem êxito, a fazer com que a vida da população dos estrados melhore para que o desenvolvimento chegue e não é hora de tratar de eleições. O PSB está na base de sustentação da presidente Dilma e nós vamos trabalhar para que o governo dê certo. Nós fomos às ruas para que Dilma fosse eleita e sucedesse o presidente Lula e agora é hora de ajudá-la, nós temos que ajudá-la para que ela possa ajudar o povo e uma forma de fazer isso é deixando a eleição para 2014.

Campos acrescentou ainda que os governadores precisam estar unidos para poder lutar pelo crescimento dos estados e que o nordeste está bem representado no cenário nacional.

 

 

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.