Durval afirma que PP não vai ficar como coadjuvante nas eleições de outubro

“O PP é um dos maiores partidos da Paraíba, tem excelentes quadros para disputar qualquer cargo político e, ao meu ver, não pode ficar apenas como coadjuvante nas eleições majoritárias”. Foi o que declarou, com exclusividade ao Parlamentopb, o presidente da Câmara Municipal de João Pessoa, vereador Durval Ferreira, que também é presidente municipal do PP.

Durval Ferreira voltou a defender um nome de Campina Grande para compor, como vice, a chapa das oposições, encabeçada pelo ex-prefeito de João Pessoa, Ricardo Coutinho (PSB). Para ele, um dos nomes que mais se enquadra no perfil que Ricardo e seu grupo político vem analisando é o da vereadora campinense Daniella Ribeiro que, na sua concepção, é atuante, vem realizando um excelente trabalho parlamentar na Câmara de Campina Grande e representa as mulheres daquela cidade.

“A chapa majoritária precisa compor com uma indicação política de Campina Grande. E a vereadora Daniella eria um nome de fundamental importância, pelo carisma, liderança, desenvoltura e atuação parlamentar que ela vem tendo e que vem ganhando destaque no cenário político de Campina e do Estado, como um todo”, avaliou o presidente municipal do PP.

Durval lembrou que a legenda tem outros quadros e opções que podem ser avaliadaspelo potencial eleitoral e com condições de também compor a chapa, como o deputado estadual Aguinaldo Ribeiro e o ex-deputado federal Enivaldo Ribeiro. “O deputado Aguinaldinho já foi secretário de estado, participou de várias comissões temáticas, tem tido uma atuação importante e decisiva na Assembleia Legislativa e já foi, inclusive, secretário do governo de Ricardo. Enivaldo é um exemplo de homem público, foi prefeito de Campina Grande, é o presidente do partido no Estado e tem bom transito em Brasília e no Congresso por ter sido deputado federal”, enalteceu.

O vereador disse, por fim, que essa reivindicação do PP não se trata de uma imposição ou pressão isolada para que Ricardo Coutinho acate e coloque na sua chapa um nome do partido. Ele lembrou ainda que o DEM e o PSDB fazem parte hoje da composição, nas duas pré-candidaturas ao Senado, e, na sua visão, nada mais justo e correto do que o PP também ter seu lugar na chapa majoritária.

TAGS

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.