DRE prende dupla acusada de traficar mais de 3 mil comprimidos

Tânia Maria da Silva Gomes, 47 anos, e Cassiana da Silva, de 20 anos, serão apresentadas à imprensa às 8h30 desta terça-feira (30), na Delegacia Especializada de Repressão a Entorpecentes (DRE), localizada na Central de Polícia, bairro do Varadouro, Capital.

Com elas, policiais civis encontraram 3.300 comprimidos do psicotrópico Artane, conhecido como aranha, durante uma ação realizada no bairro de Mangabeira. O medicamento é de uso controlado e só pode ser comercializado sob prescrição médica.

De acordo com o delegado Antônio Álvares de Farias, titular da DRE, Cassiana foi a responsável por adquirir a droga no estado do Rio Grande do Norte. “O material ficaria escondido na casa de Tânia até que fosse revendido na Grande João Pessoa”, acrescentou a autoridade.

Ambas foram autuadas em flagrante pelo crime de tráfico de drogas e permanecem presas na Central de Polícia, à disposição da Justiça.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.