Dono de ‘espetinho’ morre após ser esfaqueado por suposto cliente insatisfeito, em CG

O empresário Jocelho Emmanuel Fernandes de Oliveira, de 31 anos, morreu às 11h03 da manhã deste sábado (14) após ser esfaqueado em seu próprio estabelecimento na Avenida Floriano Peixoto, em Campina Grande, Agreste paraibano. O crime aconteceu na madrugada de sexta-feira (13) e o suspeito de praticar o crime é um cliente identificado como Lyklogenes, de 33 anos.

O suspeito teria insistido querer as imagens de câmeras de segurança do ‘espetinho’ administrado por Jocelho, para saber quem tinha batido em seu veículo. Jocelho explicou que o seu circuito de segurança apenas registrava imagens em tempo real.

Instantes depois, Lyklogenes teria voltado armado com uma faca e atingido Jocelho na região da barriga. O homem chegou a ser internado na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) do Hospital de Trauma de Campina Grande, mas não resistiu aos ferimentos e morreu, conforme divulgado pela assessoria de imprensa da unidade.

O suspeito Lyklogenes foi preso na manhã de ontem.

Dono de ‘espetinho’ morre após ser esfaqueado por suposto cliente insatisfeito, em CG

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.