Dilma faz hoje primeira reunião ministerial do ano

Brasília – Pela primeira vez no ano, a presidenta Dilma Rousseff coordena hoje (23), a partir das 17h, uma reunião ministerial com toda a sua equipe, no Palácio do Planalto. Em pauta, as prioridades do governo para 2012, como o esforço coletivo para estimular a economia, os programas sociais e os eventos internacionais relacionados com o país – a Conferência Rio+20, a Copa do Mundo de 2014 e as Olimpíadas de 2016.
 
No fim de semana, Dilma reuniu parte dos ministros para discutir esses temas e transmitir algumas orientações. A reunião de hoje é a segunda promovida pela presidenta durante seu mandato. Em geral, ela prefere reuniões com pequenos grupos. Neste ano, Dilma inovou: fez reuniões setoriais nos últimos dias e nesta segunda-feira coordena uma com a equipe inteira.
 
Ontem, a presidenta conversou com pelo menos nove ministros, além do presidente da Autoridade Pública Olímpica, Márcio Fortes. Os temas da conversa foram a Copa do Mundo de 2014 e os Jogos Olímpicos de 2016, no Rio de Janeiro.
 
Participaram da reunião nesse domingo os ministros Alexandre Padilha (Saúde), Helena Chagas (Comunicação), Celso Amorim (Defesa), Aldo Rebelo (Esporte), Gleisi Hoffmann (Casa Civil), Gastão Vieira (Turismo), Míriam Belchior (Planejamento), Gilberto Carvalho (Secretaria-Geral da Presidência) e Jorge Hage (Controladoria-Geral da União).
 
Na segunda etapa da conversa estiveram presentes os ministros Tereza Campello (Desenvolvimento Social e Combate à Fome), Izabella Teixeira (Meio Ambiente), Antonio Patriota (Relações Exteriores) e o assessor especial para Assuntos Internacionais, Marco Aurélio Garcia.
 
Anteriormente, no sábado (21), a discussão foi focada em economia e política internacional. Para a reunião, Dilma recebeu os ministros Guido Mantega (Fazenda), Miriam Belchior (Planejamento),  Gleisi Hoffmann, Celso Amorim, Antonio Patriota e Fernando Pimentel (Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior).
 
 
 
 
 
Agência Brasil

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.