Notícias de João Pessoa, paraíba, Brasil

Valério Vasconcelos

Valério Vasconcelos é doutor em cardiologia pela Universidade de São Paulo/Instituto do coração (USP/INCOR), pesquisador e escritor. Doutor em Cardiologia pela Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo. Médico pesquisador no Instituto do Coração da Faculdade de Medicina da USP (InCor/FMUSP).
Valerio-Vasconcelos

Descubra o que é AIT, problema que afetou o humorista Renato Aragão

Facebook
Twitter
WhatsApp
Telegram

Muita gente sabe o que é um AVC (Acidente Vascular Cerebral), mas nunca ouviu falar de AIT (Ataque Isquêmico Transitório). AVC é o popular derrame, e AIT é a sigla de um problema que passou a ser pesquisado na internet com mais intensidade desde o dia 7 de dezembro, quando foi divulgado que o ator Renato Aragão havia sido acometido por essa condição clínica, conforme divulgado no Instagram por Lilian Aragão, mulher do humorista.

O AIT é um pequeno ataque, semelhante a um Acidente Vascular Cerebral, mas que, apesar de desaparecer depois de minutos ou horas, ainda requer atenção imediata para ser diferenciado de um verdadeiro AVC. Importante: o ataque isquêmico transitório pode ser um sinal de alerta de um futuro acidente vascular cerebral.

O Ataque Isquêmico Transitório ocorre quando uma artéria que transporta o sangue até o cérebro fica temporariamente entupida por um coágulo (trombo). Ou seja, AITs são causados pela falta de fluxo sanguíneo para uma parte do cérebro por causa de um bloqueio de um vaso sanguíneo no cérebro, e há vários fatores de risco associados a esse problema.

ATENÇÃO: dentre os principais fatores de risco de AIT, estão: aterosclerose (placas de gordura nas artérias); níveis altos de colesterol; hipertensão arterial sistêmica (pressão alta); diabetes e tabagismo. 

AIT e AVC têm sintomas semelhantes

O Ataque Isquêmico Transitório e o Acidente Vascular Cerebral têm sintomas semelhantes, como perda de fala, problemas para enxergar e dormência em um dos lados do corpo. A diferença, basicamente, é que a reversão do AIT é rápida. No caso do AIT, ele se reverte espontaneamente depois de um período, às vezes em menos de uma hora. 

A tomografia de crânio (TC) é o exame que detecta o AIT. Se a tomografia for normal, está confirmado o diagnóstico de Ataque Isquêmico Transitório. Como os sintomas desaparecem espontaneamente depois de um período, não há um tratamento específico para o AIT. Mas é fundamental que a ocorrência seja diagnosticada, justamente para poder ser feita a prevenção de um futuro AVC.

Como terapêutica preventiva, é recomendável que o paciente suspenda o consumo de bebidas alcoólicas e de tabaco e reduza as taxas de colesterol. Além disso, o ideal é que haja controle da pressão arterial, perda de peso, dieta balanceada e prática de atividades físicas. A depender do caso, o paciente terá de fazer uso de algum medicamento anticoagulante.

MAIS LIDAS

Menina-mulher: leitura de “Preciosidade”, de Clarice Lispector

O Homem no Mundo

adrotate banner="232"