Notícias de João Pessoa, paraíba, Brasil

Deputados aprovam minuta e pedem que Maranhão autorize remanejamento

Facebook
Twitter
WhatsApp
Telegram

O primeiro secretário da Mesa Diretora da Assembleia Legislativa, Lindolfo Pires (DEM), explicou hoje que a aprovação, na tarde de ontem, de uma minuta que permite o remanejamento de recursos da ordem de R$ 8 milhões – dos R$ 13 milhões previstos para a construção da nova sede do legislativo – para complementação do pagamento destinado aos 36 gabinetes da Assembleia Legislativa, não encerra a discussão sobre o tema. Ele disse que o documento seguirá para a apreciação do governador José Maranhão (PMDB), como uma sugestão da Assembleia de que o dinheiro que falta para os gabinetes poderia ser compensado com essa outra rubrica.

Lindolfo negou as especulações que circularam hoje dando conta de que os valores já teriam sido creditado nas contas dos parlamentares: "Não existe isso, não. O dinheiro não foi creditado e não pode ser remanejado antes de receber a avaliação do governador. A Assembleia, nesse documento, está dizendo que falta dinheiro em uma rubrica e sobra em outra. Não estamos pedindo verba extra. Se ele aprovar, a minuta volta ao legislativo e só aí poderá haver o crédito", disse Lindolfo à Rede Paraíba Sat.

Mês passado, os parlamentares receberam apenas 50% (R$ 11 mil) do valor que recebiam da verba de gabinete. Caso o remanejamento seja aprovado, os 36 deputados voltarão a receber os R$ 21 mil. A redução do repasse aconteceu depois que o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Cezar Peluso, analisou Ação Direta de Inconstitucionalidade (Adin) 4.258, apresentada pelo governo do Estado, contestando a lei estadual n.º 8.222/2007, que permitiu à Assembleia Legislativa ordenar a realização de despesas no valor de R$ 13 milhões em favor de entidades sem fins lucrativos em situação de necessidade, a chamada verba social. O ministro decidiu acatar o pedido do governo da Paraíba e suspendeu em caráter de liminar a lei. A decisão bloqueou além da verba social, a verba dos gabinetes dos parlamentares que ficaram recebendo apenas 50% do total do dinheiro destinado aos gabinetes.

Tags

Leia tudo sobre o tema e siga

MAIS LIDAS

Exaustão, sobrecarga… por que não reconhecemos os nossos limites?

‘Festa da Adoção’ tenta aproximar crianças e adolescentes de pessoas aptas a adotar

Anteriores

Karla Pimentel

Prefeita de Conde homologa concurso público

lucassegfuranca

São João de Campina Grande tem monitoramento por drones, ‘supercâmera’ e identificação facial

joao-pessoa-trem-cbtu-cabedelo-santa-rita-divulgacao

Trens urbanos param no feriado de Corpus Christi

WhatsApp Image 2024-05-29 at 17.24.13

Prêmio APCA homenageia Cláudia Carvalho, editora do Parlamento PB

Pesquisa-oculos-2

Procon-JP registra variação de mais de 71% no preço de óculos de sol em nova pesquisa

Comercio-Foto-Divulgacao-Secom-PB-2

Saiba o que abre e fecha em João Pessoa no feriado de Corpus Christi

noname

Campanha Eleitoral: advogado fala sobre uso de Inteligência Artificial e pedido de votos

IMAGEM_NOTA_CIDADA_MAIO_2024_1_OK

Nota Cidadã divulga os ganhadores do mês de maio

WhatsApp-Image-2024-01-19-at-10.42.22

Linhas de ônibus funcionarão nesta quinta e sexta, dias 30 e 31, com frota dos dias de sábado

Médicos Processo seletivo emergencial

Juíza condena Prefeitura de Bayeux a indenizar médica inocentada pelo CRM