Deputada denuncia destruição da Estação Velha

A deputada Daniella Ribeiro (PP) apresentou requerimento de número 260/2011, de 22 de fevereiro de 2011, na Assembleia Legislativa da Paraíba, protestando e denunciando o abandono e a destruição a que está sendo submetido o complexo da Antiga Estação Ferroviária de Campina Grande (Bairro da Estação Velha).

Na mesma propositura a parlamentar requereu na Assembleia que seja dirigido apelo ao Ministério Público Estadual solicitando providências urgentes para apurar o caso e adotar as medidas que a situação requer.

Conforme cobertura fotográfica, Daniella disse que estão sendo destruídos a estrutura, as paredes, o teto, os banheiros, o piso, as janelas e as portas da antiga Estação Velha, sem dúvida o maior patrimônio cultural da história de Campina Grande. Parte da estrutura do teto da antiga Great Western já foi demolida. Segundo denúncias, o local hoje serve para comercialização e uso de drogas.

Disse a deputada que é indispensável acionar o Ministério Público Estadual para que seja dada uma atenção especial ao caso. “É muito importante que haja uma fiscalização e seja apurado o que está acontecendo, esclarecendo toda a questão com urgência”.

Ela destaca que a Prefeitura Municipal de Campina Grande realizou a última reforma no empreendimento na então gestão da prefeita Cozete Barbosa, em junho de 2004. Segundo a parlamentar, a Prefeitura Municipal de Campina Grande não tem adotado as providências cabíveis para proteger o patrimônio público, o que em sua opinião “é um verdadeiro escândalo e omissão”.

A denúncia de Daniella requer que o Ministério Público seja acionado e que a Assembleia Legislativa comunique o teor do requerimento ao Ministério Público Estadual (Ministério Público da Paraíba, à rua Rodrigues de Aquino, s/n, Centro – CEP: 58013-030 – João Pessoa/PB) e à Curadoria do Patrimônio Público em Campina Grande. Que a denúncia também seja dirigida ao prefeito do Município de Campina Grande, Veneziano Vital do Rêgo para a adoção de providências.

Daniella anexou fotos que comprovam a destruição e a falta de respeito para com o patrimônio histórico campinense. O material foi encaminhado também às autoridades ratificando a denúncia.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.