Notícias de João Pessoa, paraíba, Brasil

Depois de passear no shopping, Maranhão sanciona PEC 300

Facebook
Twitter
WhatsApp
Telegram

O governador José Maranhão, que reassumiu o cargo neste sábado (30), sancionou, depois de uma caminhada no Manaíra Shopping, na capital,  as Leis de números 1.892/2010; 1.893/2010 e 1.894/2010, aprovadas no último dia 27, por unanimidade, na Assembléia Legislativa, com a ausência do bloco de oposição. De autoria do Governo do Estado e similares à PEC 300 em tramitação no Congresso Nacional, as três leis equiparam os salários dos policiais militares, policiais civis, bombeiros militares e agentes penitenciários, aos vencimentos dos policiais do Estado de Sergipe. Os reajustes serão implantados no período de dezoito meses e começam a valer a partir de 1 de janeiro  de 2011.

As informações são do secretário Chefe da Casa Civil, Inaldo Leitão. De acordo com ele, todas as providências legais foram tomadas para assegurar a aplicabilidade da norma com base nas datas pré-fixadas no projeto de lei. Ao sancionar a PEC Paraíba na Granja Santana, o governador estava na companhia  do deputado eleito Aníbal Marcolino (PSL), do deputado reeleito João Gonçalves (PSDB), além do vereador licenciado, Fernando Milanez.

No dia 27 passado os três projetos de lei foram aprovados por dezenove  deputados estaduais: Gervásio Maia Filho, Raniery Paulino, João Gonçalves, Aguinaldo Ribeiro, Arnaldo Monteiro, Carlos Batinga, Ivaldo Moraes, Dr. Verissinho, Fabiano Lucena, Francisca Motta, Guilherme Almeida, Jeová Campos, João Henrique, Leonardo Gadelha, Márcio Roberto, Nivaldo Manoel, Olenka Maranhão, Rodrigo Soares, e Trócolli Júnior. Com exceção de João Henrique, então presidente interino da Assembléia Legislativa, os demais deputados de oposição ao Governo do Estado, não compareceram à AL.

Na elaboração dos projetos, a equipe econômica e administrativa do Poder Executivo Estadual teve como base a tabela de vencimento dos policiais de Sergipe, que efetua, por graduações, os seguintes pagamentos:
 
Coronel: R$ 12.401,62;
 
Tenete Coronel: R$ 10.784,02;
 
Major: R$ 9.885,35;
 
Capitão: R$ 8.599,70;
 
1º Tenente R$ 7.166,41;
 
2º Tenente R$ 5.733,13;
 
Aspirante: R$ 5.512,63;
 
Subtenente: 4.793,59;
 
1º Sargento: R$ 4.566,32;
 
2º Sargento: R$ 4.004,67;
 
3º Sargento: R$ 3.512,87;
 
Cabo: R$ 3.193,52;
 
Soldado 1ª classe: R$ 3.012,75

Tags

Leia tudo sobre o tema e siga

MAIS LIDAS

Arthur Urso leva “esposas” para passear sem roupa íntima na orla de João Pessoa

Professores da UFPB desistem de candidatura e apoiam Terezinha e Mônica

Eleição da UFPB terá três chapas e atual reitor concorre à reeleição

Anteriores

Marcelo Queiroga e Sérgio Queiroz 1

Sérgio Queiroz adia anúncio sobre participação do NOVO na chapa de Queiroga; veja

coutoreuniao (1)

Couto, Cartaxo e Ricardo se reúnem e atacam Cícero Lucena

bolsonaro1

Ao receber cidadania paraibana, Bolsonaro diz que político não tem ação concreta

viaturasfurtoenergia

Ação de combate ao furto de energia resulta em 7 prisões

d8b82c70-f3bd-46d3-9bfa-61ce8d61d00a

Setor de serviços na Paraíba cresce 11,4% e registra 2ª maior expansão do País, revela IBGE

mptdelivery (1)

MPT discute segurança do trabalho com sindicatos de entregadores e motoristas de aplicativos na PB

diozene

Padre é preso com armas e munição durante blitz em Campina Grande

Sabadinho Bom praça rio branco

Sabadinho Bom apresenta grupo Choramigo no mês em que se comemora o Dia Nacional do Choro

Bolsonaro em JP

Na capital, Bolsonaro manda recado a apoiadores: “Uma pessoa não vai resolver o problema de vocês”

Vacina contra gripe, influenza

Prefeitura de João Pessoa realiza Dia D de vacinação contra gripe e dengue neste sábado