Cresce movimento no PPS para trocar Bernardino por Bosco Carneiro

Cláudia Carvalho

A poucos dias do congresso estadual do PPS, marcado para acontecer na próxima quarta-feira, 20, das 10h às 12h na Assembleia Legislativa da Paraíba, é crítica a situação do atual presidente da legenda, José Bernardino da Silva, que disputa a reeleição. Apontado como incapaz de unir os filiados, ele pode perder o comando do partido para o ex-deputado João Bosco Carneiro.

Bosco ainda não aceitou disputar a eleição, mas é o nome exaltado pelos deputados Socorro Marques e Nivaldo Manoel, além dos vereadores Bruno Farias e Eliza Virgínia. Uma fonte interna ao PPS que pediu reservas informou ao Parlamentopb que uma comissão designada pelos vereadores teria se deslocado até Alagoa Grande neste final de semana para convencer Bosco a bater chapa com Bernardino.

A informação não foi confirmada pelo presidente municipal do PPS, Fábio Carneiro. Ele apenas concordou que há uma mobilização para escolher "um nome de consenso". "Bernardino é o único candidato lançado até agora, mas existe um movimento encampado pelos detentores de mandato para encontrar um nome de consenso, a exemplo do que aconteceu em João Pessoa, onde não houve racha para eleger o presidente", disse Fábio. Ainda de acordo com ele, a queixa de vereadores e deputados em relação ao atual presidente do PPS é de falta de diálogo.

Apesar disso, o Parlamentopb apurou, através de outras fontes, que Bernardino teria desagradado a muitos filiados quando mudou as regras para escolha dos delegados do partido, deixando de fora os representantes de vereadores, vice e prefeitos, além de deputados estaduais. Atualmente, ele é tido como um presidente que não une o partido.

Adiamento – Apesar de estar agendada para a próxima quarta-feira, a eleição do PPS pode não acontecer. É que a deputada Socorro Marques protocolou um pedido para que a escolha do presidente seja adiada para o mês que vem. Isso porque os congressos municipais serão realizados até o dia 31 de maio. Para ela, seria mais adequado eleger o presidente estadual depois de definir os comandos dos diretórios municipais em toda a Paraíba.

A Executiva Estadual do PPS se reúne na segunda-feira para avaliar o pedido de Socorro Marques e deve confirmar ou não a realização do Congresso na quarta-feira.

TAGS

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.