Couto promete deixar aliança com Ricardo se DEM e PSDB aderirem

O deputado federal Luiz Couto (PT) sentenciou hoje o fim de sua composição com o prefeito de João Pessoa, Ricardo Coutinho (PSB) caso se concretize a especulada composição do socialista com o PSDB e DEM. A aliança pode ser formalizada em breve, com a incorporação de Cássio Cunha Lima (PSDB) e Efraim Morais (DEM) à chapa de Ricardo. "Não conversei ainda com Ricardo, mas não fazemos alianças com pessoas, mas com projetos e partidos. Se o PSDB e o DEM entrarem, eu estou fora", disse Couto. O que o deputado não revelou, mas foi descoberto pelo Parlamentopb é que ele tem uma conversa agendada com o prefeito da capital ainda nesta segunda-feira, 14.

Sobre sua dissidência, Couto acrescentou a motivação de sua recusa a estar no mesmo palanque que Cássio e Efraim: "Somos contra qualquer união de PSDB e DEM porque nosso projeto tem perfil progressista. Esses partidos já estiveram juntos, já governaram e inclusive eram uma mesma força junto com o atual governador e o PMDB. Isso só deixou de acontecer por causa de uma convenção. Então, achamos que as duas legendas não têm identificação com o que pretendemos para a Paraíba", acrescentou Couto.

Luiz Couto foi um dos políticos a se antecipar e defender a candidatura de Ricardo Coutinho ao Governo. Em maio, um manifesto assinado por 400 lideranças do PT anunciava o apoio do grupo do deputado federal ao projeto de Ricardo para a disputa do Governo. O endosso incluía a condição de Luiz Couto concorrer ao Senado na mesma chapa.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.