Coronel dos Bombeiros e engenheiro são alvos de mandados de busca em João Pessoa

Uma operação realizada na manhã desta sexta-feira, 23, pelo Núcleo de Controle Externo da Atividade Policial (NCAP) com o auxílio do Grupo de Atuação Especial contra o Crime Organizado do Ministério Público da Paraíba (Gaeco) está nas ruas de João Pessoa hoje e cumpre mandados na DC Engenharia no bairro dos Bancários e no edifício Maison de Florence no Altiplano.

Os alvos são o Coronel José Carlos de Souza Nóbrega, do Corpo de Bombeiros, e o engenheiro civil Diego da Silva Castro. Os dois são acusados de atuarem em um esquema de corrupção passiva, peculato e lavagem de dinheiro. O Coronel seria responsável por um esquema de propina para liberação de alvará do Corpo de Bombeiros nos projetos de segurança contra incêndio e pânico na Diretoria de Atividades Técnicas.

Diego atuava como intermediário para suposta correção de projetos, mediante pagamento, nas empresas que fossem barradas na inspeção. Os valores cobrados variavam de R$ 100 a R$ 20 mil, dependendo do tamanho do estabelecimento ou do problema identificado.

No período de 2013 a 2018, Diego elaborou 230 projetos de combate à incêndio sobre os quais recaem suspeitas.

Relatório da investigação aponta que o coronel José Carlos de Souza teve em sua conta bancária depósitos realizados por pessoas físicas e jurídicas ligadas ao ramo da construção.

 

Coronel dos Bombeiros e engenheiro são alvos de mandados de busca em João Pessoa

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.