Coordenação de Maranhão adianta que vai pedir impugnação de Cássio

O advogado Carlos Fábio, coordenador jurídico da Coligação Paraíba Unida, que tem o governador José Maranhão (PMDB) como candidato à reeleição adiantou hoje que uma das primeiras ações de pedido de impugnação de candidatura que vai impetrar terá como alvo a postulação de Cássio Cunha Lima (PSDB) ao Senado. Ele declarou que a tese a ser defendida se baseia na Lei Ficha Limpa:

– Não tenho dúvidas de que a primeira impugnação será a de Cássio Cunha Lima. Ela vem do TSE, que determinou a alteração da lei 6490. Ele é inelegível. A lei da Ficha Limpa tem que ser aplicada nestas eleições. Ela aumentou o tempo de inelegibilidade. Houve duas cassações no TRE, uma no TSE e está no STF o recurso. O ex-governador está um pouco atrapalhado. Ele não teve pena. Ele abusou do poder econômico com conduta vedada e foi punido. Ele deixou de ter um requisito para se candidatar. O voto do ministro Carvalhido foi muito claro. Se você não tem requisitidos, como a probidade, não pode se candidatar.

TAGS

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.