Cícero vai, mas Maranhão esquece aniversário de Mangueira

O vereador Mangueira (PMDB) comemorou ontem à tarde seu aniversário no CAC do Rangel, bairro onde tem sua principal base eleitoral. À festa compareceram amigos e aliados políticos como o senador Cícero Lucena (PSDB) e os vereadores Marcos Vinicius (PSDB) e Tavinho Santos (PTB), além do deputado estadual Gervásio Filho (PMDB). O ex-governador José Maranhão (PMDB), aguardado e convidado, não foi ao evento.
 
Na festa, Mangueira não escondeu suas queixas em relação ao partido:
 
– Sou do PMDB por amor. Mas, não estou satisfeito. Não concordo com a maneira como o partido está sendo conduzido no diretório estadual e nem no municipal. Não concordo com as atitudes de Benjamin Maranhão, que pretende se perpetuar no poder. Ele deveria assumir o acordo que foi feito na última eleição do diretório de fazer um rodízio na presidência. Ele me decepcionou e não permitiu a oxigenação. Vimos de duas derrotas e temos que ver onde estamos errando para que não cheguemos a uma terceira derrota. Não há interação nos diretórios. Benjamin dizer que há reuniões, é balela. Espero que isso mude e o PMDB cresça.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.