Cícero confirma coletiva e João Gonçalves aponta desrespeito

Paulo de Pádua

O deputado João Gonçalves (PSDB) não escondeu hoje à tarde sua indignação com relação à hipótese do senador Cícero Lucena (PSDB) desistir de sua pré-candidatura ao Governo do Estado. O anúncio da desistência deverá ser feito nesta sexta-feira, 7, às 12 h, no auditório da Ordem dos Advogados do Brasil seccional Paraíba. João declarou que a indecisão existente no ninho tucano desde outubro do ano passado a respeito de ter ou não uma candidatura própria deixa o eleitorado sem rumo no processo eleitoral que se aproxima.

“Vejo a possibilidade do senador Cícero retirar sua pré-candidatura com muita preocupação. O eleitorado quer ser tratado, acima de tudo, em primeiro lugar, com muito respeito. O PSDB está partido e isso compromete todo mundo, prejudica todo mundo, não podemos esconder essa realidade”, comentou.

João Gonçalves disse não saber, caso Cícero desista da disputa pelo Governo, que posição política deverá acompanhar, daqui por diante. “Assim fica difícil. Não sei que rumo vou tomar, como tomar e a quem deve obedecer”, desabafou. Ele acrescentou que, se a informação de desistência for confirmada, vai reunir seus correligionários, aliados e familiares para decidir que caminho percorrerá.

Gonçalves não descartou nem confirmou a possibilidade de votar no governador José Maranhão (PMDB), pré-candidato a reeleição. “Não sei ainda, vou me reunir, como já disse e repito, com os correligionários para poder decidir minha posição”, finalizou.  O tucano ainda vê esperanças, entretanto, em o senador manter seu projeto de disputar o Governo. 

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.