Cássio quer consenso, mas está preparado para presidir PSDB

O senador Cássio Cunha Lima (PSDB) cumpriu ontem à noite uma promessa feita no Twitter e visitou a pizzaria Capitão Farinha no bairro de Jaguaribe, onde concedeu uma entrevista transmitida ao vivo através de uma twitcam. Ainda no local, o tucano conversou com o Parlamentopb e falou sobre a expectativa gerada por aliados como o deputado João Gonçalves (PSDB) para que ele assuma a presidência do diretório estadual do PSDB paraibano.

– A Paraíba será o único estado que não terá realizado sua convenção estadual antes da convenção nacional, que acontece no dia 28. Exatamente porque optou pelo consenso e pelo amadurecimento das divergências. Temos a maioria do partido, na minha percepção reafirmando o apoio ao Governo do Estado e outro segmento do partido, liderado por Cícero Lucena, que defende o rompimento com o Governo e isso gera essa divisão interna. Espero que tenhamos maturidade para uma solução consensual. Vou insistir por essa via até o derradeiro instante. Já estamos conversando e acredito que depois da convenção estadual encontraremos um ponto de convergência. Eu me sinto preparado para ser presidente. Quem já governou uma cidade e um Estado, tem a experiência que eu tenho na vida pública tem aptidão e preenche os requisitos para exercer a presidência de um partido, mas isso depende dos meus companheiros do PSDB. Não serei presidente porque eu quero e nem vou fazer uma disputa interna, embora não fuja à responsabilidade se a maioria dos companheiros optar pelo meu nome.

Outro tema comentado foi o que o tucano chamou de "rame-rame" da política da Paraíba:

– A Paraíba cansou disso. Eu particularmente não tenho mais energia e disposição para esse tipo de embate. Outros Estados deram um passo à frente e conseguiram mudar esse patamar,  mas aqui a coisa ainda está muito atrasada neste aspecto. Desestimula.

Pela manhã, em seu microblog Twitter, Cássio comentou a expectativa para sua diplomação pelo TRE e consequente posse no Senado e declarou acreditar o desfechou para seu caso poderá se dar "a qualquer momento":

"O processo estando concluso ao Relator como de fato se encontra, a comunicação ao TRE pode acontecer a qualquer momento".

A entrevista concedida pelo senador Cássio Cunha Lima poderá ser acompanhada na íntegra no programa Tambaú Debate, na Nova Tambaú FM, a partir das 11h45.

TAGS

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.