Cássio impetra cautelar para tentar ser diplomado senador

O candidato mais votado para o Senado da Paraíba, Cássio Cunha Lima (PSDB), foi sabatinado no início da noite de hoje no Teatro de Arena do Espaço Cultural, durante o Encontro com as Redes Sociais-2010. Na conversa com os tuiteiros, ele admitiu que poderá não ser diplomado junto com os eleitos na solenidade de amanhã à tarde, na Estação Ciência e prometeu falar sobre o assunto através de seu microblog.

– Talvez amanhã eu não consiga ser diplomado, mas no dia que eu for falar sobre isso, eu vou falar no Twitter, sem filtros – disse ele, elogiando o governador eleito Ricardo Coutinho (PSB) por ter anunciado seus auxiliares da Segurança também no microblog.

Depois, questionado sobre o mesmo tema, Cássio voltou a abordar sua batalha jurídica e luta para confirmar seu mandato de senador:

– Eu disse que posso não ser diplomado amanhã, mas creio firmemente que serei empossado. Eu já disse isso na campanha, mas o que eu não desejo para o país é que haja dois pesos e duas medidas e especialmente no judiciário. Lamento quem sofre na vida e não tira lição para se tornar uma pessoa melhor. Esse momento está mais longo do que eu esperava. Estou nesse calvário judicial há três anos. Infelizmente, não foi possível trazer a verdade plena ainda, mas essa manifestação de abaixo assinado virtual é bacana. Eu nunca participei disso e nem estimulei. Na época que fui cassado, as pessoas queriam fazer manifestações tradicionais, passeatas, carreatas, e eu não quis. Entramos com uma medida cautelar. Pode ser que saia uma liminar que me permita ser diplomado amanhã. Se não sair, quem será diplomado será Wilson Santiago. Aí, vamos esperar o julgamento do recurso e na palavra do STF eu confio. Neste caso, o que mais soa estranho é que a Justiça Eleitoral permitiu que eu fosse candidato. Se alguém é considerado ficha suja, não poderia ser votado. Não posso acreditar que um juiz, por mais honrado que seja, possa substituir o povo. É um direito intransferível. É como sentar num restaurante, e eu fui em um ótimo ontem e hoje que é o Nau, escolho um peixe e o garçom diz que peixe está faltando, que só pode escolher buchada, frango e filé. Ora, depois de escolher, não se permite que a sua escolha prevaleça. Esse aprimoramento da legislação tem que ser refeito. Eu fui eleito pela vontade soberana do povo da Paraíba e esse vontade tem que ser respeitada.

Bem humorado, o tucano revelou que costuma mandar muitas mensagens de texto via celular, chegando a ser informado pela operadora Claro de que tinha sido o recordista brasileiro, com 3.600 SMS em um único mês. Segundo ele, o uso do Iphone facilita sua familiaridade e prática com as redes sociais, especialmente com o Twitter:

– Eu já fotografei peixinhos e borboletas. Minha família reclamou e mandou eu parar. Eu gosto de tirar fotos no Iphone. Já publiquei poemas de Ronaldo Cunha Lima. Um cara reclamou e disse que era chato. Eu parei. No Twitter, eu posso falar sobre algumas coisas que não me perguntam nas entrevistas. Quando vou a um veículo de Comunicação, me perguntam sobre política. E nas redes sociais, posso falar de outras coisas, da minha vida. Tem gente que diz que vai almoçar. Eu acho bacana e desejo bom apetite, mas sei que isso não gera muita interação. Tem gente que diz que vai cagar. Ok. Boa cagada. Cada um faz o que quer.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.