Cartaxo aceita convite de filiação e se torna presidente do PV na Paraíba

O prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo, anunciou, nesta quinta (15), o seu ingresso no Partido Verde (PV), sigla que já passa a presidir na Paraíba a partir de hoje. O convite para a filiação foi firmado pela presidência nacional do partido, que reconhece no gestor, um dos mais bem avaliados do país, marcas importantes como o desenvolvimento sustentável e o planejamento a longo prazo. “Este é mais um passo decisivo para aprofundar o conjunto de transformações que iniciamos em João Pessoa, somando esforços para a ampliação deste novo modelo de gestão por resultados que vem mudando a cidade”, disse Cartaxo.

De acordo com o prefeito, que havia recebido o convite de outros partidos, houve uma forte sintonia com o PV em torno das ações em curso na capital paraibana, a exemplo do programa ‘João Pessoa, Cidade Sustentável’, que prevê um plano de ação na cidade para os próximos 30 anos. “Seguirei com os mesmos compromissos, pautado pela boa política. É diálogo, planejamento, trabalho e muito coração envolvido para alcançar resultados que se traduzam em uma vida cada vez melhor para a população”, disse.

Cartaxo foi recebido pelo presidente nacional do PV, José Luiz Penna, que reforçou o compromisso do gestor no comando da sigla. “É uma grande honra receber um representante como Luciano Cartaxo, que faz uma administração moderna, comprometida com as pessoas e com o desenvolvimento sustentável em uma das cidades mais verdes do país e da América Latina”, mencionou Penna.

Outras lideranças do partido no estado também aprovaram a chegada de Luciano, que será decisiva para o crescimento do PV nas eleições deste ano. “Foi um sonho realizado. Estamos muito felizes com o fato de Luciano Cartaxo ter aceitado esse convite que fiz pessoalmente. A intenção, agora, é fazer chapas competitivas, sob a liderança do prefeito, para as eleições 2018”, disse o Sargento Dênis, um dos principais articuladores para o ingresso do gestor. Já Maristela Viana, destacou que a sigla “só tem a ganhar, tanto nas eleições, como na execução de políticas ambientais”.

Candidato ao senado em 2014, com mais de 520 mil votos, Lucélio Cartaxo foi outro quadro a ingressar no partido. “O Partido Verde tem mais de 30 anos de história, com uma bandeira imprescindível para um país como o Brasil. Estou certo de que ganham João Pessoa e também a Paraíba”, mencionou. O PV integra um movimento político internacional, sendo fundado no país em 1986, em defesa das liberdades democráticas e da justiça social.

Filiação – Em Brasília, onde esteve cumprindo agenda administrativa e prospectando a atração de novos empreendimentos, o prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo, conversou pessoalmente com o Ministro das Comunicações, Gilberto Kassab, sobre a sua intenção em se desfiliar do Partido Social Democrático (PSD). “Agradeço ao deputado Rômulo Gouveia e ao Ministro Gilberto Kassab por todo apoio nesses últimos anos. No que depender de nós, o PSD segue como grande parceiro, fazendo parte da nossa gestão”, ressaltou Luciano Cartaxo.

Comentários