Carlos Magno lamenta declarações de Romero sobre fim do Lixão

O Coordenador de Comunicação da Prefeitura de Campina Grande, Carlos Magno, lamentou hoje as declarações do deputado federal Romero Rodrigues (PSDB) contra a desativação do Lixão de Campina Grande e posterior encaminhamento dos resíduos coletados na cidade para um Aterro Sanitário. Segundo Carlos Magno, Romero não tem autoridade para criticar a ação.
 
“Engraçado: o grupo do qual o deputado faz parte esteve no poder por mais de 20 anos. Foram eles que criaram o Lixão, por que o Lixão foi criado em 1992, quando eles estavam no poder, passaram mais de duas décadas e não resolveram a questão. Aí vem Veneziano, de forma decisiva, resolve o Lixão e eles criticam. É brincadeira”, afirmou Carlos Magno.
 
Ele lembrou que o Lixão de Campina Grande é “mais um problema deixado pelo grupo que governou Campina por mais de 20 anos e que quer voltar ao poder” para Veneziano resolver e o prefeito resolveu. Magno citou, dentre estes problemas resolvidos, a construção da Vila Olímpica Plínio Lemos no lugar onde funcionou o antigo Estádio Municipal Plínio Lemos, “que estava abandonado, servindo de ponto de prostituição e uso de drogas e hoje é um moderno equipamento de esporte, saúde e inclusão social”.
 
Ele disse que a desativação do Lixão de Campina Grande é um marco para a história da cidade. “O lixão tem duas décadas de existência e é mais um problema criado nas administrações passadas que foi solucionado por Veneziano. O fim do Lixão contribuirá para a Saúde Pública, para o Meio Ambiente, para a tranqüilidade do nosso Aeroporto, dentre outros benefícios”.
 
Magno finalizou pedindo a Romero que, ao invés de criticar as ações da Administração Veneziano em prol do bem estar da população campinense, melhor seria ter a humildade de reconhecer os avanços “e, mais que isso, tentar colaborar, afinal de contas, ele foi eleito para ajudar Campina Grande, não para trabalhar contra as iniciativas que visam melhorar a cidade”.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.