Carlos Antônio ameaça acionar PF contra Léo Abreu

O ex-prefeito da cidade de Cajazeiras, Carlos Antônio, confirmou durante visita a cidade de Sousa no "Encontrão das Oposições" no final de semana que irá procurar a Superintendência da Polícia Federal na Paraíba para levar a denúncia feita pelo deputado estadual Jeová Vieira Campos (PT) sobre um suposto envolvimento do prefeito Léo Abreu (PSB) com membros do narcotráfico. Carlos Antônio afirmou durante entrevista à Rádio Progresso AM que irá acionar o Ministério Público Estadual e a Procuradoria Geral do Estado para apurar a participação do narcotráfico na campanha de Léo Abreu em 2008.

“Deveremos oficializar junto a superintendência da Polícia Federal essa grave denúncia, para que se possa apurar. Solicitaremos ao Ministério Público Estadual, a Procuradoria Geral do Estado da Paraíba que manem apurar essa denúncia gravíssima. Não podemos permitir que qualquer político da Paraíba, ou do Brasil, possa estar recebendo recursos provenientes do narcotráfico, porque estamos colocando em risco a nossa sociedade, a nossa juventude”, disse.

O ex-prefeito disse que não tinha dúvida que o dinheiro oriundo do tráfico de drogas foi preponderante para a vitória de Léo Abreu nas eleições municipais.

“Não tenho a menor dúvida, até porque a cidade de Cajazeiras sabe e todas as pesquisas nos davam uma vitória extraordinária e eles conseguiram reverter na força do dinheiro e aí nós não conseguimos entender o que tinha acontecido, mas agora, essa denúncia muito clara, muito serena, que feita pelo deputado Jeová veio a desnudar o que aconteceu na política de Cajazeiras”, declarou.

Portal Progresso

TAGS

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.