Câmara realiza sessão especial pelos 38 anos do Jornal da Paraíba

A Câmara Municipal de Campina Grande, atendendo a requerimento de autoria da vereadora Daniella Ribeiro (PP) realizará Sessão Especial, na próxima quarta-feira, dia 16, para comemorar os 38 anos do Jornal da Paraíba. A propositura foi aprovada por unanimidade nesta terça-feira, pelos vereadores com assento no Parlamento campinense. Na mesma oportunidade foi aprovado também por iniciativa de Daniella Votos de Aplausos aos dirigentes, funcionários e jornalistas que fazem este informativo. A comunicação da decisão foi feita ao diretor presidente Eduardo Oliveira Carlos, “pelo grandioso e respeitável realizado no citado veículo de comunicação de nosso Estado”.
 
Segundo a parlamentar, o Jornal da Paraíba é um exemplo de modernidade, usando equipamentos de primeiro mundo, revolucionando o mercado e contribuindo para uma concorrência ativa e salutar, promovendo um avanço significativo na Imprensa regional.
 
Para ela, o JP  uma verdadeira escola para os grandes nomes do jornalismo nordestino. Destacou que, em suas redações “estão e passaram os mais competentes e respeitáveis profissionais, que muito aprenderam e emprestaram a sua competência, transmitindo os fatos que acontecem nos quatro cantos do planeta.”
 
Ela disse que Campina Grande, através de sua Câmara Municipal, “sente-se mais do que privilegiada em homenagear os executivos, os jornalistas e demais profissionais da mais alta qualidade que têm emprestado as suas inteligências em prol do bem comum de nosso povo, divulgando os fatos do dia-a-dia com imparcialidade, divertindo, educando, e buscando, acima de tudo, a concretização dos sonhos dos campinenses e dos paraibanos”.
 
O grupo José Carlos da Silva Júnior empunha inúmeras bandeiras de luta em prol da Paraíba, gerando emprego e renda, levando mais longe as mais legítimas reivindicações de nossa população. Comanda um dos maiores grupos de comunicação do Nordeste, do qual fazem parte a TV Paraíba inaugurada em 1º de janeiro de 1987, afiliada da Rede Globo de Televisão, a TV Cabo Branco (afiliada da Globo, em João Pessoa), o Jornal da Paraíba, a Rádio Cabo Branco FM e a Rádio 101 FM (ambas em João Pessoa).
 
O Jornal da Paraíba fundado em 5 de setembro de 1971, surgiu do espírito idealista e criativo dos empresários José Carlos da Silva Júnior, Humberto Almeida, Júlio Costa, Ademar Borges da Costa, Raimundo Lira, João Batista Dantas, João Rique Ferreira, Artur Monteiro, Maurício Almeida e Josusmá Coelho Viana.          
 
“O informativo, em sua promissora carreira, tem sido testemunha da história, levando ao leitor informações precisas, objetivas e dinâmicas, com a marca maior da imparcialidade e da democratização da informação, como fatores preponderantes para o fortalecimento da cidadania”, assinala a parlamentar.

 

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.