Notícias de João Pessoa, paraíba, Brasil

Câmara fará sessão especial para discutir a demissão dos prestadores de serviço

Facebook
Twitter
WhatsApp
Telegram

Os vereadores Daniella Ribeiro e Rodolfo Rodrigues estiveram em reunião com os dirigentes da ASPRENNE (Associação dos Servidores Públicos das Regiões Norte/Nordeste), para dar encaminhamento a algumas iniciativas visando à mobilização, se discutir e se encontrar uma solução para o problema causado pela recomendação do Ministério Público para a demissão de cerca de 60 mil prestadores de serviço e comissionados do Estado e dos Municípios.

Na oportunidade, Daniella e Rodolfo sugeriram que fosse realizada uma Sessão Especial proposta por todos os vereadores independentemente de partido político, visando o fortalecimento do processo em defesa dos trabalhadores e traçando os novos caminhos. Através da elaboração de um requerimento conjunto, ficou acertada a realização de uma audiência pública, no próximo dia 13 de dezembro, às 10 horas, no Poder Legislativo campinense com a presença do procurador de Justiça, Oswaldo Trigueiro do Valle, que está sendo convidado, representações dos trabalhadores de todo o Estado, tendo à frente a ASPRENNE, e outras instituições.

Daniella fez questão de salientar que o problema da demissão dos servidores é muito sério, e merece uma atenção em particular dos poderes públicos, pois se deve vislumbrar um funcionário pelo lado humano, que pode ser um pai ou mãe de família que esteja sendo atingido ou atingida por uma medida de amplo alcance social, que poderá provocar sérias e gravíssimas conseqüências. “São pessoas, são cidadãos e cidadãs que dão e deram a vida inteira em favor do Estado e que de uma hora para outra podem ser jogados no olho da rua, sem dó e sem piedade. É preciso encontrar uma solução para o grave problema social”, acentuou.

Na condição de representantes da ASPRENE se fizeram presentes a presidenta Thânia Feitosa, o secretário Olavo Rodrigues, o consultor sindical, Gilson Nunes, e servidoras, bastante aflitos com a questão. A presidenta Thânia afirmou que a mobilização é apartidária e que precisa da colaboração de todos e de todas.

Por sua vez, o secretário Olavo destacou que há necessidade da união de todos os segmentos em favor dos servidores e de se encontrar soluções o mais breve possível para a questão. Ele disse que “vamos buscar do procurador geral de Justiça, Oswaldo Trigueiro do Valle Filho, informações sobre os critérios que o Ministério Público vai adotar para a demissão desses servidores e não jogá-los todos numa vala comum como se o grande problema do Estado estivesse sido gerado pelos trabalhadores”.

Os integrantes da ASPRENNE ressaltaram que, a exemplo do deputado Romero Rodrigues que já se integrou ao movimento em defesa dos servidores, inclusive, propondo audiência pública na Assembleia Legislativa e diretamente junto ao procurador de Justiça, estão sendo contactados outros parlamentares, inclusive, com vistas ao fortalecimento do movimento para a aprovação da PEC 54/99 no Congresso Nacional. Está sendo marcada também uma Audiência com o governador eleito Ricardo Coutinho.

Gilson Nunes disse que “é imperativo que se esclareça a todos os trabalhadores toda essa questão e principalmente para que o servidor não seja usado como bode expiatório porque está passando que o problema e os desajustes do Estado é por conta do servidor público, e não é, o servidor é um instrumento de promoção da sociedade, que acima de tudo garante o funcionamento da máquina administrativa”, acrescentando que podem ser atingidos no total em termos de Estado e Municípios mais de 60 mil servidores.
 

Tags

Leia tudo sobre o tema e siga

MAIS LIDAS

Banco do Nordeste nomeia novo superintendente na Paraíba

Prefeito paraibano fala de “infelicidade” de ter filhos autistas e servidora acrescenta: “São doidos”

Anteriores

imagem_2024-06-25_131911480-2

Juiz suspende reunião do PSOL que decidiria pelo apoio a Cartaxo

prefeito

Opinião: Atriz atua e não substitui responsabilidade social de gestor

onibus

Ônibus colide com poste no bairro dos Bancários, em João Pessoa

concurso-policial-penal

MPPB, secretarias e sindicato deliberam sobre concurso para policial penal

banheiro

Suspeito de estuprar mulher durante festa de São João em Santa Rita é preso nesta segunda

Dinheiro muito

Prazo para 16 ganhadores do Nota Cidadã resgatarem R$ 40 mil em prêmios termina dia 20

João Almeida, foto divulgação

Ex-vereador João Almeida está internado após cirurgia cardíaca

Programa Justiça 4.0

Programa Justiça 4.0 abre 35 vagas de trabalho

INSS na Paraíba

Servidores do INSS na Paraíba entram em greve por tempo indeterminado a partir desta terça-feira

Celso Batista e Luciano Cartaxo

PSOL decide hoje se mantém pré-candidatura de Celso Batista ou apoia Luciano Cartaxo