Sessão para votar cassação de Berg começa com denúncia de 2 mil páginas; acompanhe

Com as galerias lotadas, a Câmara Municipal de Bayeux iniciou a sessão extraordinária, realizada na manhã desta quinta-feira (23), para votar o pedido de cassação do prefeito Berg Lima.

Nesse momento está sendo lida a denúncia, um volume de quase duas mil páginas. A defesa pediu a dispensa da leitura, mas o vereador Betinho pediu a leitura e o presidente Kita concedeu. Com isto, a previsão é de que a sessão entre noite adentro.

A sessão ocorre sob a suspeita de confinamento de vereadores da situação. De acordo com o presidente da Câmara, vereador Jefferson Kita, houve confinamento de 7 vereadores de apoio a Berg Lima para garantir que ele não perca os votos.

São necessários dois terços dos votos para a cassação do mandato de Berg, sendo portanto,  necessário 12 votos pela cassação. A Câmara tem 17 vereadores, dos quais sete integram a base de sustentação do prefeito e dez da oposição.

O parecer da Comissão Processante foi pela improcedência da denúncia.

Berg é o prefeito dos recordes. Deveria entrar no Guiness Book. O Ministerio Público pediu 1500 anos de cadeia em uma das denúncias e só na Câmara ele respondeu a cerca de 10 processos.

Acompanhe ao vivo a sessão.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.