Caio pede mais prazo e LOA será votada em 2014

O deputado estadual Caio Roberto (PR), relator da Lei Orçamentária Anual de 2014 alegou hoje que precisará de mais 15 dias para analisar a modificação feita pelo Governo no texto do Orçamento. Desta forma, o parecer da comissão, que antecede a apreciação da matéria em plenário, ficou adiado para a segunda semana de 2014.
 
O líder do Governo, Hervázio Bezerra (PSB), protestou e tentou fazer com que a LOA fosse votada hoje, mas não houve acordo.
 
A Lei Orçamentária Anual de 2014 foi objeto de uma demanda jurídica entre o Governo do Estado e a Defensoria Pública. Por decisão do Supremo Tribunal Federal (STF), os recursos destinados àquele órgão tiveram que ser mudados. A peça orçamentária original previa R$ 55 milhões, mas a Justiça determinou que o valor fosse corrigido para R$ 71 milhões, soma que consta no texto que foi enviado à Assembleia na última sexta-feira.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.