Bernardino diz que acordo para desfiliação de Eliza está adiantado

O presidente do diretório do PPS da Paraíba, José Bernardino da Silva, confirmou hoje de manhã ao Parlamentopb que estão adiantados os entendimentos com a vereadores pessoense Eliza Virgínia para que ela deixe o partido. A parlamentar fez campanha para o pai, Nivaldo Manoel, que não conseguiu se reeleger e também trabalhou para o governador José Maranhão (PMDB) igualmente derrotado nas urnas. O PPS, que exigia o engajamento de seus filiados nas campanhas dos candidatos do partido acionou Eliza no Conselho de Ética, mas já admite encerrar o caso se a vereadora concordar em sair sem brigas.

– Nós não queremos a exposição negativa de uma disputa com a vereadora. Ela também não quer obedecer à orientação do partido. Portanto, estamos oferecendo a ela a oportunidade de sair e prometemos não ir em busca do mandato. Eu já orientei o vereador Bruno Farias para que converse com Eliza e também pedi ao presidente do diretório municipal, Fábio Carneiro, que fizesse a mesma coisa. Por minha sugestão, o advogado dela pode redigir o termo de desfiliação e encerraremos a polêmica. O assunto já está bem adiantado – disse Bernardino.

O dirigente acrescentou que a insatisfação do PPS inclui mais quatro vereadores do interior do Estado que serão orientados a adotar o mesmo procedimento.

– Nós queremos começar tudo de novo. Quem não se engajou, quem não trabalhou pelo partido, pode sair – garantiu o presidente estadual do PPS.

Ele adiantou que mais de 100 diretórios da legenda terão o comando alterado no Estado:

– Vamos passar a peneira e só vai ficar quem se identificar com nossa proposta e quiser realmente contribuir para o crescimento do partido.

O diretório do PPS da Paraíba realiza uma reunião amanhã à noite em João Pessoa para debater a resolução nacional a respeito da renovação de diretórios. Na ocasião, os filiados também farão uma confraternização de final de ano.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.