Benjamim recomenda saída de Iraê e fala em cobrança de apoio

O deputado federal e presidente do PMDB de João Pessoa, Benjamim Maranhão, disse hoje que a deputada Iraê Lucena já deveria ter pedido para deixar a legenda "por uma quesntão ética". Segundo o dirigente, a manutenção da parlamentar não faz sentido uma vez que ela demonstrou fazer parte do governo estadual. Benjamim disse ainda que o partido vai cobrar o apoio no momento oportuno.

– Ninguém está pregando a caça às bruxas ou a perseguição. Agora, vai chegar a época, durante o período eleitoral, que se vai cobrar posição. Não resta dúvidas. Qualquer partido que tenha candidato vai fazer isso, e nós temos um candidato que é Veneziano. No momento propício vamos chamar os companheiros do partido para abraçar a causa e vamos ficar com aqueles que são leais ao projeto.

Ao falar sobre Iraê, o deputado afirmou que a colega já deveria ter deixado a legenda por conta própria.

– Acho que ela tem que assumir a posição dela de vez e deixar o partido. Ela tem que ter ética.
 
Sobre os prefeitos peemedebistas que estão ao lado do governador Ricardo Coutinho (PSB), Benjamim disse não vê problemas graves no momento.
 
– Acho que é bom eles participarem e cobrarem ações. O governador assumiu prometendo mudar o estado em quatro anos e tudo que ele fez já tinha sido iniciado no governo de José Maranhão.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.