Atentado contra STF precisa ser apurado de forma rigorosa, afirma Jeová

“Quero deixar registrado o meu repúdio a esse ato contra a sede do Supremo Tribunal Federal. Isso é inadmissível, é preciso que haja uma apuração rigorosa desse ato e uma punição severa aos autores desse atentado contra a mais alta corte da Justiça Brasileira que representa um dos pilares da democracia em nosso país. O ataque ao STF, com rojões e morteiros, por ativistas políticos nazifacistas, mostra o risco que nossa democracia está enfrentando. Quero conclamar as forças comprometidas com o Estado Democrático de Direito a também repudiarem esse atentatório à nossa democracia”, disse hoje (15), o deputado estadual Jeová Campos. O parlamentar se referia aos ataques com rojões e morteiros contra a sede do STF, em Brasília, no último sábado (13).

Segundo o parlamentar paraibano, é preciso reagir duramente contra esses atos para que haja respeito às instituições. “A democracia é um caminho difícil, mas é o único em que o povo tem liberdade e as instituições são respeitadas em suas competências. Por isso, atos desta natureza não podem ser tolerados”, reiterou Jeová. Ainda de acordo com o parlamentar, o país espera que o Presidente da República também se manifeste contrário a atos desta natureza contra uma instituição tão importante como o STF. “O ataque de sábado não atingiu apenas a sede do STF, pois ela respinga em todas as instituições democraticamente constituídas”, afirma Jeová.

O deputado paraibano lembra que na semana passada, a ALPB aprovou um Voto de Aplauso, de sua autoria, parabenizando o STF, por causa da iniciativa da Corte em investigar as Fake News, determinado a instauração de inquérito objetivando a apuração de fatos e infrações relativas a notícias fraudulentas, conhecidas como Fake News.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.