Assembleia concede cidadania paraibana a médica Bianca Oliveira

A Assembleia Legislativa realizou na tarde desta segunda-feira (29) uma sessão especial para a outorga do título de cidadania paraibana a médica Bianca Etelvina Santos de Oliveira. A sessão também comemorou o Dia Nacional de Conscientização da Esclerose Múltipla.

Marcada pela emoção, a sessão proposta pelo deputado Dunga Júnior (PTB), reuniu amigos, familiares e pacientes da Drª Bianca, que desenvolve um belíssimo trabalho com os portadores da esclerose múltipla no Estado.

Em seu discurso, o deputado Dunga Júnior agradeceu o empenho de todos na luta contra a esclerose múltipla e destacou a parceria celebrada com a Divisão de Psicologia da Assembleia e com a Associação Paraibana de Esclerose Múltipla (APBEM). Ele se disse feliz em poder proporcionar esse momento pelo 4º ano consecutivo na Assembleia e fez questão de reverenciar o trabalho desenvolvido por Drª Bianca em prol dos pacientes desta patologia. “A Paraíba se sente feliz e agora ainda maior por receber mais uma filha, como a Drª Bianca, essa heroína que abraçou a causa da esclerose múltipla com tanta dedicação e amor”, afirmou o deputado.

O presidente da APBEM, Severino Araújo, também fez uso da palavra e aproveitou a oportunidade para agradecer o trabalho do parlamentar petebista em favor da causa da esclerose múltipla. Ele disse que o deputado Dunga Júnior foi um parceiro importante e que sua disposição em lutar pela categoria possibilitou muitas conquistas para a classe no Estado. “O nosso eterno agradecimento ao deputado Dunga Júnior, que sempre esteve ao nosso lado, ajudando-nos a conquistar os nossos objetivos”, destacou. Na oportunidade, Severino Araújo, presenteou o deputado com uma tela em óleo pintada por uma integrante da associação dos portadores de esclerose múltipla.

A homenageada agradeceu a honraria concedida pela Assembleia e disse que o trabalho desenvolvido com os portadores de esclerose múltipla é, antes de tudo, feito com amor e muita dedicação. “Amo cuidar, e tudo o que faço, faço com amor”, resumiu emocionada.

Drª Bianca também lembrou de sua trajetória como estudante de Medicina e dos ensinamentos deixados por seus pais. Ele falou da importância do apoio da família para chegar aonde chegou. “Eu só tenho a agradecer a todos pelo carinho e pela acolhida”, finalizou. Ao fim do discurso, Drª Bianca solicitou do deputado Dunga Júnior que fosse observado um minuto de silêncio em homenagem a uma de suas pacientes, que faleceu na última semana.

A sessão contou com a presença do juiz Romero Feitosa, da representante da Divisão de Psicologia, Regina Neves e do presidente da APBEM, Severino Araújo.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.