Armando diz que crise com Gilvan é grave, mas pode ser resolvida

O presidente estadual do PTB, deputado federal Armando Abílio, disse hoje ao Parlamentopb acreditar que a crise anunciada ontem pelo ex-deputado Gilvan Freire com o prefeito da capital, Ricardo Coutinho, pode ser superada. Apesar disso, Armando considera grave o nível do impasse. Ele conversou ontem com Ricardo durante uma visita a Barra de Santa Rosa e revelou que o prefeito da capital ficou surpreso com a decisão de Gilvan de romper politicamente com seu projeto:

"O prefeito veio me perguntar o que estava havendo. Eu disse que também não sabia. E eu não entendo. Quando Gilvan Freire entrou no PTB, ele chegou defendendo Ricardo Coutinho e, convenhamos, o prefeito não mudou desde essa época. Ele tem um estilo diferente, mas tem dado certo", disse Abílio.

O dirigente petebista acrescentou que vai conversar novamente com Gilvan Freire na segunda-feira e intermediar um contato dele com o prefeito de João Pessoa: "Gilvan me disse que não sai do PTB. E o prefeito disse que está disposto a conversar para entender o motivo dessa crise. Ele considera Gilvan um amigo. Eu vou ajudar a realizar esse encontro e acredito que esse impasse pode ser superado".

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.