Após Bolsonaro incentivar retorno às ruas, aumenta fluxo de idosos nos ônibus de Campina Grande

O número de idosos nos ônibus em Campina Grande voltou a subir depois que o presidente Jair Bolsonaro incentivou a volta à rotina normal em meio à quarentena contra o coronavírus. Os dados são da Superintendência de Trânsito e Transportes Públicos (STTP) de Campina Grande, divulgados neste domingo (29).

Somente um idoso identificado pela STTP-CG circulou 37 vezes nos ônibus durante essa semana.

“Seguimos preocupados com o número de idosos se deslocando, em Campina Grande, por meio do modal ônibus”, relatou o superintendente Félix Neto.

Foram, em média, 2.080 idosos por dia circulando de ônibus em Campina Grande entre 23 e 27 de março, descumprindo a orientação de isolamento em casa, principalmente para pessoas do grupo de risco, como os idosos e portadores de doenças crônicas.

“Após a sinalização da Presidência sobre uma possível suspensão do afastamento social para reativar a economia, o volume de passageiros idosos no sistema ônibus de Campina Grande voltou a crescer. Situação de atenção total para nós”, revelou Félix Neto.

 

1 comentário

  • Maria de Fátima Soares
    10:43

    Não deixem…Não permitam isso! Mandem todos pra suas casas, por favor. O BRASIL NÃO PODE MORRER. #CassaçãoDaChapaBolsonaro

Comentários