Antonio Barbosa registra candidatura a presidente do PT da capital

O advogado Antonio Barbosa, secretário de Transparência Pública de João Pessoa, registrou por volta das 16 horas de hoje a chapa para concorrer à presidência do diretório municipal do PT. Acompanhado de vários aliados e companheiros de chapa, ele disse que uma de suas bandeiras de campanha é a defesa de um projeto de desenvolvimento econômico sustentável para o Estado. Na esfera política, Barbosa pregou o apoio do PT à candidatura de Ricardo Coutinho ao Governo da Paraíba.

"Nossa meta é contribuir para que os atores políticos gerem um projeto de desenvolvimento econômico sustentável para o Estado. Ao longo dos últimos 30 anos, a classe não produziu uma unidade. Hoje, temos desafios gigantescos, especialmente na educação e distribuição de renda. Na nossa população jovem, 37% são analfabetos funcionais. Os indicadores ainda apontam que 93% dos paraibanos vivem com até um salário mínimo. A situação exige que sociedade e governos se unam com urgência para reverter esse quadro", disse Barbosa.

Para ele, a candidatura de Ricardo Coutinho é a mais adequada para defender o desenvolvimento da Paraíba. A aliança com Cássio Cunha Lima, contudo, não é aprovada pelo petista: "Nós entendemos que deve haver a colocação de três candidaturas: a do PSDB, a do PMDB e a do PSB".

Como ocupa um cargo na administração municipal, Antonio Barbosa garantiu que, em caso de eleição, vai renunciar à Secretaria de Transparência Pública: "Sem dúvida, deixarei o cargo porque assim diz o regimento do partido. Fui indicado por alguns setores do PT e vou submeter minha permanência à orientação do meu partido. Como existe uma resolução em contrário, devo deixar a Secretaria", resumiu.

O prazo para registro das chapas que pretendem concorrer ao diretório municipal acaba às 20 horas de maneira presencial e à meia-noite na internet. A eleição municipal do PT deve ter entre cinco e seis concorrentes. São esperadas as inscrições de Eliezer Gomes, Nélson Lira, Fernando Lopes e Almir Nóbrega.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.