Afastamento de Abath faz crescer especulação sobre saída do Governo

O educador Fernando Abath, secretário estadual de Educação, não participou hoje das atividades de abertura do ano letivo da rede estadual de ensino. Oficialmente, a informação é de que ele pediu licença do cargo para fazer um tratamento de saúde. Mas, como a Pasta tem sido alvo de várias queixas por parte de políticos, insatisfeitos com a falta de nomeações de seus apadrinhados, já é especulada a queda do secretário. Pelo que o Parlamentopb apurou, a eventual saída de Abath está na ordem do dia das discussões da cúpula governista.

Mesmo sem a presença de Fernando Abath, o governador Ricardo Coutinho esteve ao lado da secretária executiva da Educação, Márcia Lucena, hoje de manhã na Escola Estadual de Ensino Fundamental Dr. José Medeiros Vieira, no bairro de Jaguaribe, em João Pessoa, para a abertura oficial do ano letivo das 1.036 escolas da rede pública estadual. Ele disse que a ampliação na oferta do ensino público e a qualificação profissional dos alunos da rede estadual são as principais metas do Governo do Estado para a área da Educação. “Não há outro caminho para o desenvolvimento, senão passando pela educação de qualidade”.

O governador anunciou que além do Ensino Fundamental, os alunos da Escola José Medeiros vão contar também, a partir deste ano, com o Ensino Médio Integrado à Educação Profissional. Ricardo Coutinho disse que a política do Governo visa agilizar os projetos na área da Educação para propiciar perspectiva de futuro aos jovens. Por isso, a rede estadual está garantindo vagas para acolher a todos que queiram estudar.

Ricardo Coutinho reconhece que essa não é uma tarefa fácil, mas prossegue. “É necessário um choque de motivação, investimento e qualificação para que todos tenham o direito a uma profissão, e cabe ao Estado oferecer aos jovens as condições de vencerem mais esse desafio”, afirmou.

Ele fez um apelo aos professores para assumirem essa responsabilidade junto com o Estado, e chamou os alunos a começar e concluir o ano letivo, evitando a evasão escolar.

Ricardo Coutinho fez uma visita às dependências da escola, ouviu os dirigentes da unidade, deu autógrafos a alunos e assistiu a apresentação de um grupo de capoeira, formado por alunos da instituição. Ele estava acompanhado da secretária executiva de Estado da Educação, Márcia Lucena, gerentes executivos e técnicos da Secretaria da Educação, e professores da escola.
 
A Escola Estadual de Ensino Fundamental Dr. José Medeiros Vieira, antigo Estadual de Jaguaribe, foi fundada em 1963, e funciona com 182 alunos matriculados este ano. A escola está inserida no Programa Mais Educação, do Governo Federal, que prevê, para este ano, a implantação do Programa Educação em Tempo Integral, disponibilizando oficinas de capoeira, judô, história em quadrinhos, matemática, formação de bandas do tipo fanfarra, teatro e reforço em Inglês.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.