Advogado da família de Kelton pede inclusão de Ruan Macário na lista vermelha da Interpol

Nesta segunda-feira, 11, está completando um mês da colisão que causou a morte do motociclista Kelton Marques, atropelado por um veículo Voyage dirigido pelo empresário Ruan Ferreira de Oliveira, que continua foragido. Hoje, em entrevista ao BandNews Manaíra 1ª edição, o advogado da família de Kelton, Luiz Pereira, informou que pedirá a inclusão de Ruan na lista vermelha da Interpol, a fim de que ele responda pelo crime que cometeu.

“Tivemos informações da passagem dele pelo Uruguai e pela Argentina onde tem familiares. Por isso, decidimos recorrer à Interpol para que ele seja localizado e preso”, revelou Pereira.

O advogado ainda afirmou que nos primeiros dias após a morte de Kelton, o primeiro advogado de Ruan, Harley Cordeiro, havia admitido que ele se entregaria, o que não aconteceu: “O suspeito quis lançar uma cortina de fumaça para atrapalhar o trabalho da polícia”.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.